Seção de Cultura e Extensão
Seção de Cultura e Extensão
Seção de Cultura e Extensão
Biocientista Mirim

O Projeto de Extensão Biocientista Mirim foi criado no primeiro semestre de 2017 com o objetivo de promover novos conhecimentos em biociências de alunos e professores do ensino fundamental e médio. O mesmo é gerenciado por professores e pesquisadores do Instituto de Ciências Biomédicas (ICB) da Universidade de São Paulo e conta com a participação voluntária e com apoio do Programa Unificado de Bolsas da Universidade de São Paulo de alunos do curso de graduação em Ciências Biomédicas.

 

screen-shot-2017-01-10-at-09-29-30

Despertar a curiosidade científica independentemente do gênero também foi uma proposta de aula do projeto na Escola Amorim Lima

A pesquisa em sala de aula pode se tornar uma grande aliada no processo de ensino e aprendizagem no ensino fundamental. É importante que alunos dessa faixa etária identifiquem a importância da pesquisa e da ciência para construir um conhecimento crítico, criativo e inovador. Desta maneira, esse projeto de extensão tem como objetivo criar um elo de transmissão do conhecimento científico entre o Instituto de Ciências Biomédicas (ICB) da USP, um dos principais centros de pesquisa em ciências da vida desta universidade, e uma escola municipal de ensino fundamental I e II localizada ao redor da Universidade, promovendo o acesso ao conhecimento e também difunde a ideia do que é ser um pesquisador na área das biociências, o que inclui a biomedicina. O nome do projeto é inspirado na iniciativa, criada pelo professor da Universidade Federal do Paraná (UFPR) Alexander Biondo, agora pós-doutorando na USP.

 

Querendo quebrar o esteriótipo do ‘cientista maluco’, branco e homem, granduandos do ICB criaram um novo modelo de ensino flexível da Amorim Lima, que já virou notícia diversas vezes por ser referência no Brasil. Os professores voluntários são todos alunos da graduação e se revezam para estar na escola quase todos os dias. Cada aula é diferente da outra: o nível de agitação e de interesse dos jovens depende da faixa etária, do período do dia e mesmo do dia da semana. As disciplinas foram divididas em microbiologia (bactérias, vírus, fungos) para as turmas do 6º e do 7º ano, e parasitologia (vermes, protozoários) para as turmas do 8º e do 9º ano. Todos recebem o módulo de pesquisa, uma forma de introduzir a investigação científica aos estudantes. O conteúdo foi pensado pelos próprios graduandos.

 

Selecionado pelo 1º Edital Santander/USP/Fusp de Fomento às Iniciativas de Cultura e Extensão, o projeto também está elaborando um curta-metragem para ser apresentado na feira de ciências da escola no fim do ano. A animação deve representar como seria um mundo sem a ciência.

Caso se interesse pelo projeto, entre em contato com a coordenadora, Profª Ana Marcia de Sá Guimarães, no e-mail anamarcia@usp.br.

 

Confira as fotos desse dia!

 

Mais informações:

 

Página do Facebook


Veja mais projets do ICB:

 

 Projetos de Extensão

BioCientista Mirim / SANTANDER Universidades from SPIRIT Animation on Vimeo.

Seção de Cultura e Extensão - USP/ICB